1. Home
  2. Pesquisa Sobrenome
  3. Resultado da pesquisa
  4. Traço heráldico Fissiau

Sobrenome: Fissiau

Dossier: 705268
Tipo:Traço heráldico
Uma Traço heráldico é um ponto de partida para pesquisadores e ainda não foi revisada; um Pré-visualização heráldica e genealógica é um dossiê com maior confiabilidade.

Se você comprar um de nossos documentos heráldicos uma nova investigação heráldica completa é realizada por um heraldista experiente.

Língua do texto: Français
Nobreza: Famille Noble - Chevaliers - Seigneurs
Nobres na:France (Velay)
O país ou região do dossiê refere-se principalmente aos locais onde a família foi atribuída à nobreza e podem ser diferentes daqueles de residência.

Traço heráldico :
Fissiau


Compre um Documento Heráldico com o seu Brasão

Français
Coroa de nobreza FissiauTrès ancienne famille qui a eu des fortunes diverses. On trouve son nom diversement écrit Fix et parfois Defix. Elle comte plusieurs hauts dignitaires ecclésiastiques. Pierre, clerc du Puy, est témoin le 25 mars 1253, d'un legs fait à la collégiale de St-Agrève par l'abbé de St-Pierre-Latour et le vicomte de Polignac, son neveu. Hugon, chanoine et bayle du chapitre de St-Georges de St-Paulien (1284), fut témoin de l'hommage du comté de Bigorre, rendu le 23 avril 1293 à l'évêque du Puy, par les procureurs de Jeanne, reine de France et de Navarre. Reymond, clerc de N.-D. du Puy, rend hommage en 1304 à l'évêque du Puy, de son fief des Crochets, paroisse de Laussonne. Hugon était chanoine de St-Georges du Puy (1314-1330); Catherine, prieure du monastère de Vals le 30 novembre 1330, et Raymond, chanoine, bayle et administrateur du chapitre de St-Mayol (1364). Armand et Vital furent avec Pierre Jughon, procureurs généraux de Robert de Rochebaron, seigneur de la Tour-Daniel et de Vals-le-Chastel, pour rendre hommage en son nom le 8 mai 1539, à Jean d'Auriouse de Saint-Quentin, prieur de Cusse et de la Trinité. Claude Fix est dit valet de chambre du prieur de Lardeyrol (1568); Claude, notaire royal à Langeac (1596); Guillaume et Claude, père et fils, notaires (1630). Guillaume marié à Louise Chautard en eut: Pierre, marié à Françoise Martin, d'où autre Pierre seigneur de Bussac-Bas, marié le 28 février 1702 à sa cousine Madeleine Gaillard, fille de Hugues, seigneur de St-Martin et de Anne Chauvet, d'où posterité établie à Bussac-Bas. ...
Para saber mais

Brasão Fissiau

Brasão da família Fissiau

Brasão da família Fissiau

Verba Volant, Scripta Manent
(As palavras voam, os escritos ficam)
Compre agora um Documento Heráldico Profissional

Confie a história do seu nome de família aos profissionais da Heráldica

Compre um Documento

Pesquisa Sobrenome

Como fazer uma pesquisa heráldica preliminar

É possível fazer uma pesquisa preliminar em nosso arquivo. Cerca de 100.000 traços heráldicos, origens de sobrenomes e brasões estão disponíveis gratuitamente. Basta escrever o sobrenome desejado no formulário abaixo e pressionar Enter.



Cidadania italiana

Genealogia para obtenção da cidadania italiana

Notas legais

  1. Todo o conteúdo desta página é distribuído sob licença Creative Commons Attribution - Share Alike 3.0 Unported . em palavras simples, você pode copiar, vincular e publicar qualquer página ou imagem com o único aviso para indicar a fonte: heraldrysinstitute.com.

  2. Para pedidos de correções, acréscimos ou publicações de informações heráldicas, escreva-nos um e-mail com o texto e a fonte bibliográfica ou histórica.

  3. O conteúdo mostrado não constitui atribuição de um título nobre e eles não atribuem relações de parentesco entre sobrenomes homônimos; os brasões expostos ou mencionados foram combinados com um apelido ou variante. Esta não é uma pesquisa genealógica.

  4. Uma Traço heráldico é um ponto de partida para pesquisadores e ainda não foi revisada; um Pré-visualização heráldica e genealógica é um dossiê com maior confiabilidade.

    Se você comprar um de nossos documentos heráldicos uma nova investigação heráldica completa é realizada por um heraldista experiente.

  5. As variações de sobrenomes são frequentes e derivam principalmente de atos involuntários, como erros de tradução ou inflexões dialetais, ou de atos voluntários, como tentativas de escapar da perseguição ou aquisição de títulos e propriedades de outras famílias